Diretoria sindical vai ao Cense Volta Redonda conversar com servidores - SIND-DEGASE

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Diretoria sindical vai ao Cense Volta Redonda conversar com servidores

NOTÍCIAS
Na manhã desta quinta feira (06/09), o Sind-Degase esteve presente no Centro de Socioeducação Irmã Assuncion de La Gandara Ústara (Cense Volta Redonda), onde se reuniu com a direção da unidade e o Coordenador regional, a fim de debater as demandas trazidas ao nosso conhecimento em duas outras reuniões com a entidade sindical, nos dias 30/07 e 29/08, também ocorridas na unidade.

Antes da rebelião que aconteceu na última segunda feira, os servidores já vinham relatando diversos problemas graves, que no nosso entendimento contribuíram diretamente para a crise que se instalou.
Inicialmente, foram trazidos relatos gravíssimos de diversos Agentes, de que após sucessivas ingerências do Ministério Público e do Poder Judiciário na unidade, os internos começaram a mudar o comportamento, agindo com ainda mais hostilidade para com os servidores. Como se não bastasse a falta de respeito, os menores começaram a combinar histórias fantasiosas e até mesmo chegaram a provocar lesões uns nos outros, como forma de tentar incriminar os funcionários e com isso ganharem a piedade e a liberdade do Judiciário. 
Antes mesmo da devida apuração dos fatos, foi pedido o afastamento (suspensão preventiva de 30 dias) de três Agentes da unidade.

Os servidores relataram ainda grande dificuldade no registro de ocorrências policiais por atos infracionais cometidos dentro das unidades, em situações onde não conseguem registrar de forma célere os fatos na Delegacia Policial da região.

Além disso, os Agentes de Segurança denunciaram a falta de materiais operacionais (algemas e rádios comunicadores, gerador de eletricidade) para realizarem o trabalho de forma minimamente satisfatória e segura, além do baixo efetivo de funcionários. Também foi dito que a unidade conta com apenas uma viatura para atender cerca de vinte e cinco comarcas, o que prejudica muito o trabalho das equipes de escolta e condução.
Também apresentaram muita insatisfação com as péssimas condições do alojamento destinado aos Agentes de plantão.

Nas duas primeiras reuniões, ficou acordado que o Sind-Degase pediria uma reunião com o Coordenador das unidades da Região Sul Fluminense e Costa Verde, Adriano Guedes Custódio, a fim de apresentar as demandas dos servidores e estabelecer um canal de diálogo entre as partes.
Sobre a demanda do material operacional, Adriano nos informou que o Degase está com insuficiência de rádios, porém disse que já havia feito o pedido para o Departamento. Solicitamos ao Coordenador que reforçasse a demanda.
Em relação à falta de viaturas, foi dito que o órgão também está com falta de carros. 
Sobre o alojamento dos servidores, fomos informados de que haverá a construção de uma unidade de internação provisória ao lado do Cense, que passará a trabalhar apenas com a medida de internação. Esta obra seria bem abrangente e também seria estendida para a atual unidade, ocasião em que o alojamento dos Agentes seria reformado, momento em que também será instalado o gerador.

Também nos foi dito pelo Coordenador Adriano que uma parceria recente havia sido estabelecida com o Hospital Regional do Médio Paraíba, que serviria para atendimentos dos internos e também dos servidores.

Durante a visita na unidade, registramos o rastro de destruição ocasionada na recente rebelião. Após o fato, 51 internos foram identificados como participantes dos crimes. Vinte e um internos, já maiores de idade, foram transferidos para o sistema penitenciário, onde responderão pelos crimes praticados durante o cumprimento da medida socioeducativa. Os outros trinta internos, estes menores de idade, foram transferidos para o Educandário Santo Expedito, para que não possam articular nova rebelião e expor a vida dos servidores e demais internos. No dia do fato, 176 internos cumpriam medida na unidade, que tem capacidade para 90 menores infratores e jovens adultos de até 21 anos de idade.

Sem comentários
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal